Controlar
Controlar
// Entrevista com Cristina Mota, Diretora Global de Qualidade da CONTROLAR
Cristina Mota
Nome: Cristina Mota
Idade: 52 anos
Formação: Engenharia e Gestão da Qualidade
Instituição de Ensino: ISQ - Instituto de Soldadura e Qualidade
Função atual: Diretora Global de Qualidade                                        

Conta já com um longo percurso profissional. Quantos anos de experiência tem na gestão da qualidade?


Iniciei a vida profissional na Yazaki Saltano, onde estive cerca de 23 anos e que foi o alicerce para a minha formação nesta área. Fui diretora da qualidade numa empresa de injeção de plásticos, dei formação no ISQ. Em 2011, voltei à indústria para uma fundição de alumínio injetado em Braga, onde estive sete anos como diretora da qualidade. No total, conto com 32 anos de experiência neste campo.

Como está a correr o desafio de gerir o Departamento de Qualidade e SGI do Grupo CONTROLAR e quais foram as maiores dificuldades encontradas nesta função?

A gestão de um departamento por si só já é um desafio e a isso junta-se o facto de trabalharmos com diferentes culturas, o que torna ainda mais desafiante esta coordenação. A maior dificuldade tem sido conseguir manter uma gestão coordenada entre as quatro empresas do Grupo no México, Malásia, Espanha e Portugal.

Logo no ano da sua chegada foi uma das vencedoras dos CONTROLAR Awards, que premeiam os colaboradores que mais se distinguem a cada ano, na categoria de “Gestor(a) de Departamento”. Como recebeu a distinção?

Só a nomeação já foi uma excelente motivação porque as nomeações são feitas pelos colegas. Ser nomeada fez-me sentir que consegui passar a mensagem de que a qualidade não é algo que só serve para nos aborrecer, mas que pode ser uma mais-valia para a organização. O ter vencido o prémio deu-me uma dose extra de motivação. Fiquei muito feliz!

Qual é a cultura praticada pela CONTROLAR e quais as principais linhas orientadoras da política de qualidade da empresa?

O nosso foco é transmitir a confiança de que possuímos capacidade técnica e humana para superar as expectativas dos nossos clientes e obtermos excelentes resultados de negócio, assegurando o sucesso e a sustentabilidade a longo prazo. Uma cultura conciliadora dos interesses dos nossos clientes, colaboradores, fornecedores, acionistas e outras partes interessadas.

A CONTROLAR é uma empresa certificada em mais do que uma norma. Pode enumerar?

Neste momento, a CONTROLAR é certificada pelo referencial da Gestão da Qualidade ISO 9001:2015, pelo referencial da Gestão da Investigação, Desenvolvimento e Inovação (IDI)NP 4457 e pela Gestão do Ambiente, a ISO14001. Está ainda em fase de certificação na Gestão da Segurança de Informação, a ISO27001. Foi com muita satisfação que recebemos o resultado de zero não conformidades na auditoria externa de 2018, tendo sido o primeiro ano em que este resultado foi obtido.

Relativamente às auditorias de qualidade, são sempre efetuadas por entidades externas? Com que regularidade?

Todas as auditorias são efetuadas por entidades externas. Anualmente, são realizadas auditorias de acompanhamento e, a cada três anos, auditorias de revalidação da certificação.

Qual a margem de satisfação dos clientes e de reclamações? Que balanço faz destes resultados e do seu trabalho até hoje?

Não podemos aferir a satisfação de clientes somente a partir do número de reclamações recebidas, que é apenas uma parcela dos vários parâmetros de avaliação. Concluímos que existe satisfação pelas adjudicações de projetos que os clientes em carteira continuam a enviar para a CONTROLAR.

Pode revelar-nos quais as principais ações que decorrerão nos próximos meses?

Até ao final do ano, temos a auditoria de certificação da norma ISO 27001. Está também em curso a mudança de alguns departamentos para novas instalações e, consequentemente, a reorganização das atuais. No início do ano vamos intensificar a uniformização dos sistemas das empresas do Grupo CONTROLAR.

Para si, qual a importância da qualidade para a empresa onde trabalha, para os serviços que presta e processos envolvidos, para os colaboradores e para a sociedade em geral?

Deve ser a qualidade dos nossos produtos e serviços que nos distingue da concorrência, assim como a normalização dos processos de forma a agilizar o nosso trabalho. A qualidade é um agente facilitador das atividades da empresa. Até atingirmos este patamar, há um processo de aprendizagem desta cultura e forma de pensar. Como empresa certificada, temos que ter todas as atividades e processos documentados, o que por vezes causa alguma desmotivação e torna mais difícil manter os colaboradores empenhados nesta área.

Consegue descrever-se em algumas frases?

Sou pouco tolerante a mentes fechadas e acredito sempre que é possível até que me provem o contrário. Sou focada e persistente nos desafios que aceito. Considero-me uma pessoa otimista e, por isso, tento ver sempre o lado positivo, mesmo em situações adversas. Gosto de elogiar o trabalho bem feito e, quando é necessário criticar, faço-o de forma construtiva
.
A Controlar nas redes sociais:
Facebook - Controlar
Youtube - Controlar
© Controlar2019 | Todos os direitos reservados - Empowered
Certificações e Parcerias
  TUV Certification   Microscan Preferred Partner National Instruments Alliance Member Wonderware
Visite-nos também em:
VISToolkit
ON.2 Novo Norte - QREN - UE
Cofinanciado por:
Compete Portugal 2020 União Europeia
Utilizamos cookies para poder oferecer-lhe um melhor serviço no nosso espaço web. Ao continuar a navegar no nosso website autoriza a utilização das cookies. 
Saiba mais.
Aceitar